NATAL E ANO NOVO: COMO VÃO SER AS FÉRIAS OS PORTUGUESES?

É tradição muitos portugueses fazerem férias fora de casa no natal e fim de ano. Segundo um estudo desenvolvido pelo IPDT, em parceria com a Soltrópico, este ano, trinta e oito por cento dos nacionais admitem que vão gozar férias fora de casa no período em questão. Desses, três quartos ficarão em solo português. Eis as principais conclusões do estudo: Continue a ler “NATAL E ANO NOVO: COMO VÃO SER AS FÉRIAS OS PORTUGUESES?”

Anúncios

PORTUGAL, MELHOR DESTINO TURÍSTICO DO MUNDO. COMO CHEGAMOS ATÉ AQUI?

Portugal é, atualmente, um dos melhores destinos turísticos do mundo, um dado comprovado pelas diversas distinções e prémios que o país vem alcançando nos últimos anos. Este momento áureo é reflexo de um trabalho bem sucedido que agregou conhecimento de mercado, correto posicionamento, flexibilidade comercial e, sobretudo, a valorização dos portugueses enquanto ativo diferenciador da oferta. Continue a ler “PORTUGAL, MELHOR DESTINO TURÍSTICO DO MUNDO. COMO CHEGAMOS ATÉ AQUI?”

NOVO CICLO POLÍTICO NO BRASIL: QUE IMPLICAÇÕES PARA O TURISMO?

O Brasil vive, atualmente, uma fase de transição a nível político que terá, certamente, repercussões em todos os setores da sociedade brasileira. Essas implicações podem estender-se a países onde vivem comunidades significativas de imigrantes brasileiros, ou onde o mercado brasileiro tenha peso relevante ao nível da emissão de turistas, como é o caso de Portugal. Continue a ler “NOVO CICLO POLÍTICO NO BRASIL: QUE IMPLICAÇÕES PARA O TURISMO?”

A CRIAÇÃO DE CONTEÚDO DE QUALIDADE E O STORYTELLING NO MARKETING TURÍSTICO

Um dos princípios fundamentais do marketing turístico é a criação de conteúdo único e excecional que se traduz em experiência e que, desta forma, desenvolve e consolida os níveis de confiança dos visitantes.

Continue a ler “A CRIAÇÃO DE CONTEÚDO DE QUALIDADE E O STORYTELLING NO MARKETING TURÍSTICO”

DESCENTRALIZAÇÃO DE COMPETÊNCIAS PARA AUTARQUIAS E ENTIDADES INTERMUNICIPAIS: IMPACTO NO TURISMO

Promoção turística, praias e jogos de fortuna ou azar são os domínios mais relevantes da descentralização de competências aprovada em Conselho de Ministros no passado mês de setembro, e que importam à atividade turística. Continue a ler “DESCENTRALIZAÇÃO DE COMPETÊNCIAS PARA AUTARQUIAS E ENTIDADES INTERMUNICIPAIS: IMPACTO NO TURISMO”