A CRIAÇÃO DE CONTEÚDO DE QUALIDADE E O STORYTELLING NO MARKETING TURÍSTICO

Um dos princípios fundamentais do marketing turístico é a criação de conteúdo único e excecional que se traduz em experiência e que, desta forma, desenvolve e consolida os níveis de confiança dos visitantes.

Principais desafios

Um dos grandes desafios para as marcas e organizações é perceber qual a mensagem a comunicar face ao posicionamento estratégico e tendo em conta as necessidades, expectativas e metas definidas. Determinar qual a direção a seguir é fundamental para estabelecer coerência na mensagem e assim criar proximidade e empatia com os potenciais clientes.

No mundo atual inundado por plataformas distintas e um sem número de conteúdos absorvidos a uma velocidade alucinante, a dificuldade de uma mensagem permanecer, fazer a diferença e apelar à partilha é enorme.

A força do storytelling

Contar histórias não é uma ferramenta nova, aliás é até um mecanismo com muita tradição e rituais, utilizado há muito tempo pelas sociedades e grupos com intuito de cativar audiências e fazer perdurar memórias.

O chamado storytelling, enquanto recurso utilizado para contar histórias relevantes para promoção de um negócio/produto sem necessidade de venda direta, tem conseguido excelentes resultados pelo caráter não invasivo do seu método. Apelando à empatia e à criação de desejo, persuade e convence possíveis visitantes à visita a um determinado destino, estreitando os laços entre as marcas e os consumidores finais.

Ferramentas

É necessário e fundamental definir quem é o público alvo, quais as suas necessidades e anseios, para que a mensagem seja personalizada e atinja os objetivos a que se propõe.

O vocabulário tem de ser adequado ao consumidor final e o enredo deve ser inteligente e cativante, com princípio, meio e fim. As personagens devem funcionar como espelho de quem recebe a mensagem, para que o público se identifique e estabeleça paralelo entre a sua existência e a que é promovida. Imagens, ilustrações, vídeos, música são ferramentas fundamentais para tornar a narrativa mais apelativa e sedutora.

O conteúdo criado vai ganhar mais força, atingindo mais audiência e, por consequência, trazer vantagens e lucro aos destinos ou organizações, quanto mais for partilhado. Para isso, as redes sociais têm desempenhado um papel determinante com poucos custos associados.

Exemplo

Um dos exemplos internacionais com grande visibilidade que podemos apontar vem de uma das maiores cadeias hoteleiras do mundo, a Marriot. Há uns anos, e com uma nova abordagem publicitária, a marca estreou-se no cinema com “Two Bellmen”, uma comédia de ação original de 17 minutos sobre dois porteiros que salvam uma pintura inestimável das mãos de ladrões falsos. Filmado inteiramente no Marriott de Los Angeles, o filme consegue fazer convergir o conteúdo da marca e o entretenimento puro.

Esta abordagem redefine o formato do enredo de anúncios, principalmente dos de 30 segundos, que se tornam previsíveis para os consumidores e, portanto, sem qualquer apelo emocional. A audácia neste caso deu frutos e, com o sucesso e alcance da campanha, o filme já teve duas sequelas de imenso sucesso.

É através deste género de exemplo que diversas campanhas de storytelling podem ser montadas, utilizando a emoção para transmitir experiências e assim mostrar destinos que valem a pena estar na lista de lugares a conhecer. Marcas e destinos só têm a ganhar quando criam histórias que perduram no tempo da memória e a criação de conteúdo criativo de referência é o caminho a seguir.

Anúncios

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s